domingo, 16 de agosto de 2009

Vergonha Alheia: Eu tenho!




- Eu me questiono o que é que passa pela cabeça desses entrevistadores efusivos pra fazer determinadas perguntas.

- Tem horas que eu chego a pensar que o "Campelo" é de propósito.

- Quando eu era pequena, costumava escutar que "em boca fechada não entra mosca". São em momentos assim que eu vejo a importância dos ditos populares. E eu acho que esses moços entrevistadores [me recuso a chamar de jornalistas] não levaram a sério a historinha da mosca.

- E Marcelo, hein? O próprio rei da paciência! Dalai Lama perde fácil! Tirando a cara que faz ao ser chamado de "celebridade", e uma ou outra resposta mais espirituosa, o rapaz é um verdadeiro lord. A Rainha Elizabeth não seria tão educada! Eu sonho, às vezes, que, no momento exato dessa entrevista, Marcelo fosse possuído pelo espírito de House. Ou, pra não dizerem que eu ando pedindo demais, que fosse o Ruivo o entrevistado.

- Yes, I'm nostagic!

5 comentários:

Alex disse...

Rodrigo faria todo um discurso já a partir do 'celebridade'.

Alex disse...

Só agora eu vim ver que vc elevou Camelo à categoria de knight in shining whatever.... vc é doente! na boa!! kkkkkk Terapia já!

Fred Pimenta disse...

Me lembrei EXATAMENTE de quando vc me mostrou isso pela primeira vez. Com detalhes e até cheiro.

Gabriela disse...

HAUhUAhuHAuHAuhuh Gente, coitados desses repórteres. Um fora atrás do outro. Vergonha alheia MESMO!

"Sou sua fã" mas erro seu nome, né Campelo?

Janaína disse...

Vergonhoooooooso!
"Campelo", "sopros", "Último romance", "Chorão", "bate boca"... socorro!!!!